Páginas

"Durma com ideias, acorde com atitude!"

Pastor briga com delegado evangélico porque não quer que casas de prostituição perto de sua igreja sejam fechadas

    


A história está acontecendo em Cachoeira – BA (município localizado no recôncavo baiano). A disputa se dá pelo destino da zona de prostituição da cidade, conhecida como “os bregas”. O delegado Laurindo Neto deseja fechar os prostíbulos nos próximos meses, segundo ele não por seus princípios morais, mas sim por motivos de segurança. Em contrapartida o pastor Jailton Santos, do Evangelho Quadrangular, que ha três meses fundou a igreja no lado do ‘brega de Cabeluda’ – um dos mais antigos – se impõe para que os prostíbulos continuem funcionando ali.

O delegado Laurindo afirma que as casas acabam servindo como ponto de encontro para os traficantes. “Vou entrar com representação na Justiça para fechar esses bregas, pois eles servem de abrigo para traficantes. No entorno dessas casas de brega circula todo tipo de delinquente”, diz. Inclusive, segundo ele, um dos clientes assíduos e Edmilson Bispo dos Santos Júnior, que e fundador do Primeiro Comando Interior (PCI), facção inspirada no grupo criminoso paulista Primeiro Comando da Capital (PCC). “Júnior e seus comparsas usam essas casas de brega com regularidade. Manter esses bregas abertos é facilitar a ação do crime na nossa cidade. Quem quiser fazer sacanagem vai ter que ir para outra cidade”, conclui o delegado.

Confira a integra da polêmica matéria da Revista Piauí sobre o Pastor Silas Malafaia:



A revista Piauí, editada pelo jornal Estado de São Paulo, teve em sua edição de setembro uma matéria especial sobre o Pastor Silas Malafaia, líder da Igreja Vitória em Cristo. A matéria de nome “Um dia com Silas Malafaia – Vitória em Cristo” foi feita pela jornalista Daniela Pinheiro que passou um dia inteiro com o Pastor no mês de agosto. A reportagem, publicada na edição de número 60, acabou causando grande polêmica por utilizar palavras e confirmações do próprio pastor para traçar um perfil crítico que retrata Malafaia como uma espécie de bem sucedido empresário da fé.

Luxúria



Deus quis dar um prazer sensível ao alimento, para que o homem, se alimentando daquilo que lhe parecia saboroso, mantivesse a vida. Da mesma maneira, o Senhor concedeu à humanidade a realização do prazer sexual, por meio do qual também a espécie humana se multiplica. É o prazer íntimo, permitido ao casal, unido pelo matrimônio, o qual se abre também à graça da procriação.

Mulher sobrevive à queda de 75 metros de altura no Portão do Inferno



Ariane testemunha que foi salva por um milagre para cuidar do filho


A dona de casa Ariane Nogueira Rabelo, de 23 anos, testemunha que foi salva por um milagre para que pudesse cuidar do filho de quatro anos. Ela sobreviveu a uma queda de 75 metros de altura no Portão do Inferno, em Chapada dos Guimarães, a 65 quilômetros de Cuiabá, quando perdeu o marido e a filha recém-nascida. A jovem ficou internada em estado de coma por duas semanas e passou mais de 40 dias no Pronto-Socorro da capital.

Em uma cadeira de rodas, mas esperançosa em deixar essa situação temporária, Ariane afirma que não se lembra de absolutamente nada do acidente e disse não acreditar no que aconteceu ao ver as imagens do ocorrido. Ela considera que esquecimento é para amenizar o sofrimento. A altura do precipício corresponde a aproximadamente um prédio de 30 andares.
UMA VOZ A SERVIÇO DE JESUS ..

o evangelho de jesus



tomara que todos os manipuladores do verdadeiro evangelho seja tocado por esta letra que mostra como ele e realmente poderoso eficaz nada pode se esconder deste verdadeiro evangelho de jesus

Izaias Meira



A Estrela de Davi é um símbolo maçônico ou satânico?

Escritores, articulistas e pregadores do nosso tempo têm verberado contra Israel, acusando-o de oprimir os pobres palestinos e estar por trás das sociedades secretas. Alguns chegam a dizer que Salomão era satanista, e seus livros — constantes do cânon veterotestamentário —, satânicos! Tal conduta é influenciada pelos partidários da escatologia aterrorizante, que se opõem ferrenhamente a Israel e aos seus aliados (principalmente, os Estados Unidos).