Páginas

"Durma com ideias, acorde com atitude!"

CONCEITUAÇÃO, CARACTERIZAÇÃO E TIPOLOGIA DO BULLYING ESCOLAR



O que é Bullying?

Bullying é um termo inglês utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, sem motivação evidente, adotado por um ou mais alunos contra outro, causando dor, angústia e sofrimento e executadas dentro de uma relação desigual de poder.

Simplificando bullying é uma forma intencional e repetitiva de atitudes cruéis entre alunos.

As conseqüências do bullying



As experiências emocionais doloridas produzem feridas na alma e a mente mantém o registro de todas. Com o crescimento e desenvolvimento da pessoa, isso passa a condicionar o pensamento e o comportamento. No dia-a-dia, os especialistas têm identificado as seguintes características:

os meninos de Rondônia

os meninos de Rondônia

Os discípulos no Getsêmani vigilância

Os textos de onde tiraremos nossas lições encontram-se em MT 26: 36-43 e MC 14: 32-40, sendo que este último trata da mesma narrativa.
Iremos observar que estas passagens refletem o estado em que se encontram um grande número de cristãos, o estado de SONOLÊNCIA.
Observemos alguns detalhes nestes textos:
- Havia um certo clima de tensão no ar, eles podiam pressentir que algo estava para acontecer, foram advertidos de que o inimigo estava por perto, de modo sorrateiro e ameaçador.
- Jesus lhes advertira solenemente: "Ficai aqui e vigiai comigo".
- Jesus afasta-se dos discípulos, mas eles sabiam que Ele voltaria...
- Depois de se afastar deles um pouco, Jesus volta e encontra todos eles dormindo.
- Porém em MT 26: 43 e MC 14: 40, encontramos uma revelação surpreendente: _" OS SEUS OLHOS ESTAVAM PESADOS"_ . Esta revelação, além de surpreendente, é também uma advertência !!

Pastor americano declara-se ateu

“Eu sou ateu”, diz  ’Jack’, um pastor afiliado à Convenção Batista do Sul, com mais de 20 anos de  ministério. ”Vivo minha vida como se Deus não existe”, diz ‘Adam’, que faz parte da equipe pastoral de uma pequena igreja em um dos estados mais religiosos dos EUA. Os dois, que pediram para terem suas identidades protegidas, são pastores que perderam a fé. Ambos construíram suas vidas e carreiras ao redor da fé, mas agora dizem sentir-se encurralados, vivendo uma mentira.

Teologia do Obreiro


Introdução

Teologia do Obreiro trata-se de um compêndio de informações morais e, sobretudo, espirituais, pertinentes à vida prática do obreiro do Senhor Jesus, um servo do Salvador, segundo as Escrituras Sagradas, diferenciado, face à sua profunda responsabilidade nos domínios do aprisco do Senhor, na terra.

Não trata-se, portanto, de uma regra básica para disciplinar obreiros de Cristo. Absolutamente, não! Também não identifica-se como um amontoado de doutrinas escritas a esmo ou invalidadas por uma Igreja local moderna, incapaz de ajustar-se ao que de mais sagrado a Bíblia determina para os reais filhos de Deus, envergonhados e sofridos diante da invasão do indiferentismo espiritual, moral, religioso, etc. Leiamos e estudemos, pois, Teologia do Obreiro .

O Vocábulo Obreiro

2 Tm 2:15 

O PODER DA LÍNGUA

Por volta do ano 2000 antes de Cristo, um mercador grego, rico, queria dar um banquete com comidas especiais. Chamou seu escravo e ordenou-lhe que fosse ao mercado comprar a melhor iguaria. O escravo voltou com belo prato, coberto com fino pano. O mercado removeu o pano e assustado disse:

- Língua? Este é o prato mais delicioso?

O escravo sem levantar a cabeça, respondeu:

Etica Cristã.



Todos nós tomamos diariamente dezenas de decisões. Fazemos escolhas, optamos, resolvemos e determinamos aquilo que tem a ver com nossa vida individual; a vida da empresa, da igreja, a vida da nossa família... Enfim, a vida de nossos semelhantes.

Ninguém faz isso no vácuo. Antigamente pensava-se que era possível pronunciar-se sobre um determinado assunto de forma inteiramente objetiva, isto é, isenta de quaisquer pré-concepções ou pré-convicções. Hoje, sabe-se que nem mesmo na área das chamadas “ciências exatas” é possível fazer pesquisa sem sermos influenciados pelo que somos, cremos, desejamos, objetivamos e vivemos. 

Vendo Bíblia usada!





É isso aí! Vou vender a minha Bíblia velha e vou comprar uma Bíblia nova. Dessas com versão super atualizada, com três rodapés de informações, comentários laterais; essas coisas todas que vêm hoje nessas bíblias modernas. Bíblia do homem, da mulher, do adolescente, do idoso, da criança, da tia, do avô, do vizinho e, talvez, seja preciso comprar umas mais “temáticas”, mais incisivas, tipo: Bíblia da vitória espiritual, ou quem sabe, Bíblia de aconselhamento pastoral, ou ainda “A Bíblia da vitória financeira”. Essa mesmo, eu sinto que está em alta. Sei lá! Se não tem ainda, eis uma boa sugestão para os fuinhas de plantão. Mas não se assuste, caro leitor. É que ando com um certo sentimento de que alguma coisa está passando batida nas minhas leituras bíblicas.